Gostou do post? Ajude-nos votando nas estrelas AQUI Abaixo 👇

Conhecido por muitos no Brasil por oxicoco, o fruto vermelho tem se popularizado como cranberry e tem se tornado um dos primeiros na lista quando o assunto é detox do organismo. Originária do Hemisfério Norte, tem uma longa história com as comunidades indígenas norte-americanas e canadenses, que já se aproveitariam dos benefícios que a cranberry pode trazer à saúde, além de ser incluída nos rituais das tribos.

A cranberry já foi citado em estudos dos anos 90 que indicavam uma possível capacidade de prevenção de infecção urinária e no tratamento de cistites, devido às substâncias existentes em sua composição.

Com antioxidantes em abundância, o fruto costuma ser usado ainda para fins de complementação de dietas, já que possui o poder de limpar o organismo e auxiliar na regeneração das células. Nos Estados Unidos e Canadá não é incomum ver ainda a cranberry integrar cardápios em receitas culinárias, que se aproveitam de seu sabor ácido para tornar mais peculiar os paladares.

Suplementos e sucos

Aqui no Brasil a cranberry é comumente encontrado na forma de suplementos, como as cápsulas de softgel de alta absorção pelo organismo, e que podem ainda ser acrescidas de outras vitaminas com o intuito de elevar sua potencialidade. Os produtos à base dessas pequenas frutas não costumam possuir glúten, açúcar ou corantes, embora a composição possa variar de acordo com o fabricante. Devido ao baixo teor calórico e alto nível de vitaminas, tem sido frequentemente vista em dietas, podendo ser eficiente na detoxificação, desde que respeitadas as quantidades e a frequência de consumo indicadas.

Na versão de refrescantes sucos essa fonte de vitaminas tem feito sucesso, sendo facilmente encontrada em lojas especializadas no comércio de produtos naturais ou supermercados. Por conta da frutose, sua ingestão não é recomendada para pessoas com diabetes, assim como usuários de determinados tipos de medicação, sendo recomendado consultar um especialista antes de consumir o produto.

Profissionais da saúde já defenderam que a complexidade de vitaminas, minerais e outros compostos químicos presentes na cranberry (a exemplo de flavonoides, que ajudam na redução do colesterol total e o LDL, aquele que é considerado ruim, fibras, vitamina C, entre outros) possam trazer benefícios às dietas, ainda que, em contrapartida, outros especialistas podem ser mais céticos quanto à sua eficácia. De qualquer forma, pesquisas realizadas já indicam uma possível relação de alívio de sintomas de problemas estomacais e prevenção da formação de placa bacteriana.

Curtiu ? Ficou curioso ? Leia mais sobre Dietas no nosso blog.

Deixe um comentário