Maca peruana benefícios e malefícios

A Maca peruana desperta a curiosidade tanto de estudiosos ao redor do mundo, quanto de pessoas que desejam obter melhorias no desempenho sexual, fertilidade e disposição para passar o dia.

O que poucos sabem é que os benefícios deste caule vão além do aumento da libido. Ela pode melhorar os sintomas da depressão, atenuar os efeitos negativos da menopausa e ajudar a combater o câncer de próstata.

Com doenças tão diferentes, confira neste texto todos os benefícios e malefícios da maca peruana, para entender sobre como ela age no corpo humano e como ela pode ser usada no tratamento de todas estas doenças e distúrbios.

O que é maca peruana?

Antes de entender como ela age, é preciso entender o que ela é e de onde veio, pois, suas fontes de pesquisas estão conectadas diretamente ao seu contexto histórico.

Cultivada nos Andes do Peru, a maca peruana é uma planta que pode assumir várias cores. Para conseguir comparar e imaginar melhor, ela é um tubérculo da mesma família do nabo.

Assim como muitas plantas da sua família, a maca peruana tem seu segredo concentrado no seu caule subterrâneo ou raiz, e não nas folhas. Por isso, o preparo é variado e pode ser servido tanto cozido, quanto cru.

Como o cultivo deste tubérculo tem uma força cultural muito grande no Peru, ele é normalmente exportado em forma em pó ou cápsula, devido às restrições que o país impõe sobre o cultivo.

De nome científico de Lipidium meyenii, essa planta também é conhecida como Ginseng-dos-Andes e Viagra dos Incas, por ter sido usada como energético para os soldados incas e ter tido o inesperado efeito de estimulante sexual.

Quais os efeitos médicos da maca peruana

Para explicar os efeitos médicos, é importante entender que esta planta herbácea é mais do que parece. Em sua composição, há um alto nível de cálcio e magnésio, além de possuir antioxidantes capazes de combater seus efeitos nocivos dos radicais livres ao corpo.

Essa soma é o que contribui para que o uso da maca seja recorrente em tratamentos para doenças, como por exemplo:

  • Câncer de próstata;
  • Alzheimer;
  • Infertilidade;
  • Osteoporose;
  • Fadiga;

Dentre os tratamentos, o que se destaca é o seu uso em tratamentos de fertilidade, pois sua composição com outras estratégias

Contudo, estudos provaram que os efeitos da maca peruana não agem diretamente nos hormônios, mas ajuda no estímulo de produção de espermatozoides por causa do seu efeito ser semelhante aos efeitos causados pela testosterona.

Além disso, a quantidade de minerais também faz com que a lombar receba um reforço em sua composição óssea, o que é bem-vindo para quem planeja uma gravidez.

Outros efeitos médicos da Lipidium meyenii

Nenhuma das afirmações sobre os efeitos médicos da maca peruana são com base em efeitos não testados. Todos esses efeitos foram comprovados ao passarem por testes e releituras ao longo dos anos, por universidades e pesquisadores de todo o mundo, inclusive brasileiros.

Depressão

Diferentes estudos que testaram a eficácia da Maca Peruana em voluntárias que estavam na pós-menopausa por meio de doses regulares dessa planta em sua dieta diária, onde os efeitos foram acompanhados dia após dia.

Os resultados destes estudos mostraram uma melhora significativa nos sintomas da depressão. Isso se deve aos seus diversos componentes que auxiliam na diminuição dos níveis de ansiedade e em consequência na redução dos sintomas depressivos.

Funcionamento intestinal

Outro efeito da Lipidium meyenii é a melhora da função intestinal devido a presença de fibras que auxiliam na melhor fluidez do trânsito intestinal e no combate à constipação.

Conheça os benefícios da maca peruana

Apesar de ter muitos benefícios, é importante entender que o extrato dessa herbácea não deve ser consumida em excesso. Assim, como tudo na vida, exageros podem fazer mal à saúde.

Os benefícios desse tubérculo para o corpo o fazem muito recomendados por especialistas, alguns dos principais estão listados abaixo:

  • Alívio dos sintomas negativos da menopausa: como o aumento de estrogênio, o desequilíbrio hormonal recebe uma ajuda para tentar se estabilizar, o que também melhora na libido feminina nesse período;
  • Melhora a libido e fertilidade masculina: com os efeitos semelhantes aos da testosterona e o aumento da contagem de esperma, o apetite sexual masculino sofre uma melhora considerável, além de melhorar a fertilidade;
  • Melhora da estrutura óssea: devido aos altos níveis de minerais, principalmente o Cálcio e Magnésio, o corpo consegue repor a massa óssea que perde naturalmente com o tempo, por tanto, também é usada no tratamento da osteoporose;
  • Prevenção de Alzheimer e câncer: sua capacidade de combate de radicais livres que podem atuar diretamente no DNA que sofre danos conforme e pode originar doenças como estas. Portanto, a atuação das substâncias antioxidantes no combate a esses radicais é muito importantes para tentar minimizar doenças que sofrem com estes ataques;
  • Prevenção de anemia e diabetes: por ser um alimento fibroso e com muitos nutrientes, a maca peruana é uma planta muito recomendada para quem precisa complementar sua alimentação para melhorar a resistência do organismo. Além disso, os minerais e proteínas que se perdem quando a pessoa está anêmica, pode ter uma melhora gradativa no consumo da maca.

Mesmo natural, há algumas contraindicações da maca peruana que serão detalhadas nos próximos tópicos.

Maca peruana tem algum malefício?

A Lipidium meyenii tem sido um tubérculo muito estudado, inclusive sobre seus efeitos negativos. No entanto, quando consumida de modo seguro, não há registros de efeitos colaterais até o momento, mas assim como qualquer suplemento, é importante entender que seu consumo deve ser controlado e não pode ser excedido.

Como essa planta ajuda no balanço hormonal, seu consumo excessivo pode causar problemas endócrinos e, se isso ocorrer, é necessário procurar por um médico imediatamente e informá-lo o quanto de maca peruana foi consumida.

Contraindicações:

Não é recomendado o consumo deste suplemento por mulheres lactantes, embora não haja ainda nenhum dado sobre se há algum efeito negativo durante até agora. Entretanto, é recomendado por especialistas que se evite.

Além disso, aqueles que apresentam qualquer doença que seja hormonal sensível, também é recomendado não consumir a maca peruana. Um dos exemplos de hormonal sensível é quem foi diagnosticado com:

  • Câncer de mama;
  • Câncer de útero;
  • Câncer de ovários;
  • Endometriose;
  • Fibrose uterina.

Qualquer condição que precise evitar a exposição ao estrogênio também não se recomenda o uso desta herbácea.

Se a pessoa não se encaixa nas contraindicações e tem o indicativo de um profissional de usar esse suplemento, então pode visitar o site da Nature Center. Lá é possível encontrar a maca peruana em pó e cápsula com diferentes opções focadas em diferentes cenários do corpo.

Assim, se encerra este texto sobre a maca peruana. Caso tenha permanecido com alguma dúvida sobre esse tema, pode comentar logo abaixo ou entrar em contato por um dos meios disponíveis no site da Nature Center (Facebook e Instagram). Veja mais conteúdos em nosso Blog.

Curtiu ? Ficou curioso ? Leia mais sobre Alimentação no nosso blog.
Curtiu ? Ficou curioso ? Leia mais sobre Saúde no nosso blog.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Últimas Postagens

Curtiu ? Ficou curioso ? Leia mais sobre Fitness no nosso blog.