Tag: emagrecimento

Health Fit: Como emagrecer de forma rápida e eficiente

Com o corre-corre do dia a dia, há momentos que acumulamos mais tarefas do que deveríamos, e acaba que não conseguimos tempo para coisas que realmente queremos ou devemos fazer, e cuidar de nosso corpo, de nossa saúde, é uma delas. É muito fácil de encontrarmos hoje pessoas acima do peso, e muitas delas querendo sair dessa condição, mas não conseguem tempo de fazer uma academia de forma adequada, e nem mesmo um acompanhamento com nutricionista para poder manter uma alimentação regulada.Como solução pra este problema, apresento a vocês o Health Fit, um produto que ajudará você a emagrecer de forma rápida e eficiente, sem prejudicar sua saúde. Health Fit é uma linha de suplementos composta por produtos termogênicos, que ajudaram na queima de calorias, diminuindo o acúmulo de gorduras, tendo um produto específico para o dia e um pra noite, e o melhor de tudo é que ele não possui efeitos colaterais! Continue lendo para saber os benefícios de Health Fit.

Como saber se o Health Fit funciona?

Sabemos que há no mercado muitos produtos que prometem emagrecimento rápido e sem muito esforço, mas também sabemos que em sua maioria são mentiras ditas apenas para o marketing do produto, e assim alavancar as vendas. Mas depois da primeira compra, a decepção é certa, e daí o produto perde os seus consumidores, e junto perde a credibilidade no mercado, que é o mais importante que uma empresa e seu produto podem ter.Diante deste fato, é natural que você questione o real funcionamento de Health Fit. Mas estou aqui para lhe dizer que este produto realmente funciona! Sua eficácia é garantida! Tanto que ele é recomendado para crianças, gestantes, idosos, claro que com consulta prévia ao seu nutricionista e/ou médico.Sua fórmula é 100% natural. No Health Fit Day encontramos cafeína anidra em pó, chá verde extrato aquoso desidratado, gengibre em pó, laranja em pó e café em pó. Já no Health Fit Night, encontramos óleo de cártamo e vitamina E. a composição da cápsula é feita com gelatina, água e umectante glicerina.Compre Já Health Fit

Benefícios

Listarei a seguir os benefícios de cada componente da fórmula de Health Fit, continue lendo para saber tudo!
  • Cafeína anidra: Estimulante do sistema nervoso central, impede a sonolência e afadiga, é a forma da cafeína em pó. A diferença entre esta e a líquida são praticamente imperceptíveis, mas há estudo de que a cafeína anidra tem melhor absorção pelo corpo do que a líquida. Ela é obtida a partir da extração de grãos e mudas que são fervidas em altas temperaturas até que a água seja totalmente retirada, produzindo um pó branco, cristalino, a sua forma anidra.
Ela estimula os centros respiratórios, aumentando a amplitude de seus movimentos. Ela ainda favorece a performance dos músculos, e causando um aumento na disponibilidade de ácidos graxos livres para o músculo, segundo estudos recentes, resulta no aumento da taxa de oxidação de lipídeos. O ideal é o consumo de 210mg a 420mg na porção, porém o uso deve ser melhor orientado por seu nutricionista;
  • Chá verde: É uma bebida feita a partir da infusão de folhas e brotos da Camellia sinensis. O chá verde traz em sua composição uma quantidade considerável de polifenóis, potássio, manganês, ácido fólico, vitamina B1, vitamina B2 e vitamina C, cafeína. Nutrientes esses que são indispensáveis para a saúde de nosso organismo.
O chá verde ajuda a combater o colesterol, diminuindo os níveis do LDL, melhorando a saúde do coração; ajuda no emagrecimento, acelerando o metabolismo; reduz o risco de diabetes tipo 2, já que este tipo de diabetes causa resistência à insulina, devido ao seu grande acúmulo de açúcar no sangue, então o chá verde melhora a sensibilidade à insulina; estimula o cérebro, evitando o AVC e as doenças degenerativas; diminui o risco de câncer, por ter uma grande concentração de oxidantes naturais; reduz as chances de Parkinson e Alzheimer, pois os compostos de catequina encontrados no chá verde proporcionam efeitos protetores dos neurônios, o que também diminui o risco de infecções.
  • Gengibre: Auxilia na perda de peso; combate azia e gases intestinais; atua como anti-inflamatório e antioxidante; melhora náuseas e vômitos; regula a pressão arterial; protege o estômago contra úlceras; previne o câncer cólon-retal;
  • Laranja em pó: a farinha de laranja ajuda no clareamento da pele e dos dentes; combate o envelhecimento e o inchaço; tem efeito calmante; ajuda no emagrecimento; resolve problemas respiratórios; previne o câncer; melhora a saúde do coração; auxilia na construção do tecido muscular; fortalece o sistema imunológico; melhora o aparelho digestivo; combate a insônia, entre muitos outros benefícios, e é totalmente natural.
  • Óleo de Cártamo: Reduz o colesterol; ação antioxidante; prevenção de doenças cardiovasculares; ação anti-inflamatória; previne o Alzheimer; efeitos na pele, entre vários outros.
  • Vitamina E: Melhora a cicatrização; melhora a saúde da pele e dos cabelos; aumenta a firmeza da pele e previne rugas, ou seja, você emagrece e fica com a pele firme!
Como você pode observar, são muitos os benefícios dos componentes do Heath Fit, e neste produto, você vai encontrar todos estes benefícios em um só!

Detox Slim: limpe o organismo e emagreça já

A dieta detox é uma das mais comentadas nos últimos tempos e não é à toa: ela ajuda o organismo a se livrar das toxinas prejudiciais à saúde e, de quebra, enxugar as gordurinhas. Apesar de ser alvo de algumas controvérsias, o fato é que ela oferece um aporte de nutrientes fundamentais para a saúde do corpo humano e, se combinada ao consumo de alimentos saudáveis em um cardápio equilibrado, é capaz de beneficiar o organismo, eliminando as impurezas e contribuindo para otimizar o desempenho físico e a produção de energia, favorecendo assim a queima de gorduras.No entanto, o processo exige atenção em alguns detalhes e dedicação no preparo dos alimentos, que, de preferência, devem ser orgânicos e consumidos in natura. A falta de tempo é um dos principais fatores que contribuem para que a maioria das pessoas aborte a ideia do detox pois, com a correria do dia a dia muitos não encontram tempo para procurar alimentos frescos e prepara-los adequadamente, nesses casos a suplementação natural através de produtos como o Detox Slim, pode oferecer os mesmos benefícios alcançados em uma dieta detox tradicional, só que de maneira muito mais pratica.

Toxinas: entenda o que são e como agem no organismo

Diversos fatores externos contribuem para que o corpo adquira e acumule toxinas nocivas à saúde, dentre eles está a poluição, já relacionada a vários tipos de doenças atualmente, aditivos alimentares que são fornecidos por alimentos com resíduos de pesticidas e agrotóxicos por exemplo, e até mesmo a radiação solar. Essas toxinas entram no nosso corpo de forma lipossolúvel, ou seja, nosso fígado lê essas substancias como gorduras, e, quando elas se concentram em excesso no organismo, podem causar alguns processos inflamatórios como celulite, inchaço e ainda se acumular no tecido gorduroso, resultando no ganho de peso e proporcionando um aspecto de que a pessoa tem um volume corporal bem mais elevado que o real.

O processo de detoxificação

Esse processo nada mais é do que a retirada dessas toxinas do organismo, ou seja, a expulsão de tudo o que é nocivo à saúde. O nosso corpo possui um mecanismo próprio que trabalha para isso, divido em duas etapas: na primeira o fígado entra em ação para transformar essas impurezas, que se encontram na forma de gordura, em substancias hidrossolúveis, para assim poder excretá-las, daí entra, em sequência, na segunda fase: que consiste na eliminação dessas substancias, na qual elas são eliminadas através das fezes, urina, bílis, suor e, até mesmo, das lágrimas.No entanto, para que o organismo possa executar esses mecanismos de forma eficiente há 3 fatores fundamentais: a genética, as condições de saúde, especialmente do fígado, e os nutrientes fornecidos ao corpo. O primeiro fator influencia em apenas 20% desse processo e provem de condições genéticas, já a saúde do fígado merece extrema atenção: por ser responsável pela transformação da substância, o órgão precisa ser saudável e livre de sobrecargas para que consiga trabalhar perfeitamente, e, assim, chegamos à última etapa que consiste no aporte nutricional, sem ele o fígado não consegue desempenhar suas funções corretamente e interrompe o processo antes do fim, fazendo com que as toxinas se instalem no nosso organismo de maneira pior que a inicial.

Detox e emagrecimento

Ainda que o objetivo principal da dieta detox não seja exclusivamente o emagrecimento, ela é capaz de favorecer a perda de peso por reduzir os efeitos nocivos das toxinas, facilitando sua eliminação, e também por promover a absorção dos nutrientes essenciais para o funcionamento pleno e manutenção do organismo. Durante a dieta detox, o corpo expulsa as impurezas e reduz o acumulo dessas substâncias que causam problemas como o inchaço, a constipação e a retenção de líquidos.Diferente dos famosos remédios para emagrecer – que promovem o emagrecimento mas causam diversos efeitos colaterais – a dieta detox, quando aliada a uma alimentação saudável e balanceada, ocorre de forma eficaz, não apenas auxiliando a perda de peso, mas melhorando a saúde em geral,

Saiba como o Detox Slim Funciona no organismo

Detox Slim possui uma composição rica em nutrientes poderosos que, em conjunto, são capazes de promover o processo de detoxificação do organismo e, aliados a uma dieta balanceada e a pratica de atividades físicas, podem contribuir para o emagrecimento saudável. Dentre os principais componentes da formula está a vitamina C – também chamada de ácido ascórbico. A vitamina é hidrossolúvel e muito famosa por sua capacidade de melhorar a imunidade e diminuir o estresse. Além disso o nutriente também age na pele, melhorando seu aspecto, previne contra problemas de visão, derrame e ainda facilita a queima de gorduras, pois participa da produção de carnitina, substância que transporta as gorduras para serem queimadas e transformadas em energia.

Vitaminas do complexo B

A vitamina B2, também presente na formula do Detox Slim, contribui para que a gordura estocada no organismo seja utilizada como fonte de energia para o corpo, favorecendo a queima dessa gordura e, consequentemente o emagrecimento. Conhecida também como Riboflavina, ela está associada ao metabolismo dos carboidratos e à decomposição da glicose. Além disso, ainda melhora o metabolismo dos aminoácidos, que são fundamentais para a absorção de proteínas. Sua carência pode causar cefaleia, depressão, problemas de pele, inflamações e outras complicações. A principal fonte de vitamina B12 é a proteína animal: fígado, ovos, aves e carnes, também pode ser encontrada em laticínios, cereais integrais e leguminosas.A vitamina B6 está associada à produção de hormônios e anticorpos, ela atua no sistema nervoso central, estimulando a resposta dos impulsos nervosos. A falta dessa vitamina pode desencadear em diversos problemas relacionados ao desempenho físico, como fadiga, câimbras e até mesmo a perda do controle muscular. Ela está presente em uma grande variedade de alimentos, principalmente em proteínas animais como miúdos, carne suína, frango e gema de ovo. Também é encontrada em algumas leguminosas e grãos.

Cromo: reduzindo a vontade por doces

Responsável por potencializar a ação da insulina, o Cromo beneficia pacientes com diabetes e ainda auxilia aqueles que querem emagrecer, pois o mineral, quando presente no organismo em quantidade certa, regula o volume de açúcar no sangue, evitando os picos de insulina, o que faz com que o hormônio realize adequadamente sua função de metabolizar o açúcar na célula e mantém os níveis de insulina equilibrados evitando os ataques de fome e reduzindo a vontade de comer doces. Infelizmente nossas células não conseguem produzir esse mineral, portanto, seu aporte deve ser feito através da alimentação ou suplementação.

O poder do Magnésio

Considerado um dos sais minerais mais importantes para a saúde humana, o magnésio, apesar de ser pouco conhecido, é fundamental em diversos processos do organismo. Entre suas inúmeras funções orgânicas está a regulação do cálcio e sua devida fixação nos ossos, a produção de energia e o equilíbrio das funções celulares. O mineral favorece a absorção dos nutrientes, em especial a Vitamina D. Sua deficiência pode acarretar problemas como câimbras, má circulação, hipertensão e problemas cardíacos.

Como consumir

Aliando o Detox Slim a um cardápio saudável e atividades físicas regulares, você pode promover o processo de detoxificação e eliminar as impurezas do corpo, desde que o suplemento seja consumido corretamente. É recomendada a ingestão de duas cápsulas de Detox Slim uma vez ao dia antes das principais refeições. É importante lembrar que nutrizes, crianças, gestantes, idosos e portadores de qualquer doença crônica devem consultar o médico ou nutricionista antes de iniciar uma dieta detox.

Para quem é indicado e onde encontrar

O suplemento é uma alternativa natural para auxiliar no processo de detoxificação do organismo para quem deseja eliminar as toxinas, o inchaço corporal e adotar um estilo de vida mais saudável. Para saber o preço do Detox Slim e onde encontrar o produto com qualidade certificada pelos órgãos de saúde responsáveis, é só acessar o site da Nature Center, lá é possível conhecer mais sobre este e outros suplementos que agem de maneira natural sem prejudicar o organismo.

Chá de hibisco x Chá verde: qual o melhor para emagrecer

Veja quais são as principais diferenças entre os chás funcionais do momentoO chá é uma das bebidas mais populares no mundo, além da grande variedade de aromas e sabores capazes de agradar qualquer paladar, seus efeitos medicinais e curativos justificam sua fama. Nos últimos anos, o poder terapêutico dessas bebidas ganhou ainda mais destaque com o aumento do consumo de ervas antes conhecidas apenas por culturas milenares, especialmente com o objetivo de perder peso. Desde então, é comum ouvir que determinada infusão é o “chá do momento” para potencializar a queima de gordura e ajudar na luta contra balança. Nessa onda, o chá verde se tornou um dos queridinhos no quesito emagrecimento, figurando entre os mais recomendados. Agora, fala-se cada vez mais do chá de hibisco como o mais novo aliado na luta contra a balança. Porém, isso significa que o hibisco é mais potente que o chá verde para a perda de peso? Vale a pena fazer a troca? Esclareça suas dúvidas a respeito das principais diferenças entre essas poderosas plantas e qual delas é mais adequada para sua dieta.

Propriedades naturais

Uma das maiores preocupações daqueles que desejam entrar em forma, indiscutivelmente, é a saúde. Essa é a razão pela qual o uso de chás na luta contra balança se tornou tão popular, suas propriedades totalmente naturais podem representar uma forma muito mais prática e segura de acelerar a perda de peso.Nesse quesito, tanto o chá verde quanto o chá de hibisco estão empatados: a origem dessas plantas é, no mínimo, próxima.  Enquanto o chá verde é extraído das folhas da planta chinesa Camellia Sinensis, o chá de hibisco é feito a partir das folhas e botões da flor Hibiscus Sabdariffa. Mas, cabe uma explicação: ao contrário do que muitos podem imaginar, não se trata daquela flor vermelha de cabinho longo, facilmente encontrada nos jardins. A variedade utilizada para preparo do chá de hibisco é conhecida por aqui como caruru-azedo ou vinagreira, e é de origem incerta, normalmente associada à África e Ásia.Largamente associadas à dietas de perda de peso, essas ervas também possuem propriedades muito benéficas à saúde como um todo, aumentando as dúvidas sobre qual delas é mais potente e pode tornar o processo de emagrecimento mais eficaz. De acordo com a nutricionista Sinara Menezes da Nature Center, especializada em produtos naturais “Ambos possuem características benéficas, inclusive similares, para perda de peso. Porém, alguns fatores podem tornar uma qualidade de chá mais indicada para determinada pessoa: restrições e preferências podem determinar qual variedade se encaixa melhor na dieta. Por isso, é preciso avaliar isoladamente as propriedades de cada chá, seus efeitos no organismo e até mesmo sua aceitação em relação ao paladar.” – explica.

Pontos em comum:

Reduzem a pressão arterial: Ambos possuem propriedades vasodilatadoras capazes de proteger o coração e reduzir a pressão sanguínea. O chá verde aumenta a produção de óxido nítrico, responsável por estimular a dilatação das artérias e aumentar a oxigenação sanguínea. O mesmo efeito é obtido através do consumo do chá de hibisco. A alta concentração de antocianina, poderoso antioxidante, proporciona aumento do fluxo sanguíneo e, consequentemente, redução da pressão arterial. Estudos evidenciam que o efeito vasodilatador proporcionado por essas ervas pode até mesmo prevenir contra problemas cardiovasculares.Reduzem o colesterol: pesquisas apontam que ambos os chás são capazes de reduzir o colesterol ruim (LDL). A alta concentração de flavonoides presentes no chá verde, especialmente as catequinas, combatem dois processos nocivos à saúde: a oxidação do LDL e a formação das placas ateroscleróticas (que podem levar ao entupimento de artérias). O consumo do chá de hibisco também pode auxiliar na diminuição da absorção do colesterol ruim, graças às antocianina, flavonoides capazes de aumentar a reduzir os níveis de LDL e triglicerídeos, além de aumentar o colesterol bom (HDL).Fortalecem o sistema imunológico: o chá verde tem sido associado à melhora do sistema imunológico graças à sua ação antioxidante e antimicrobiana. Pesquisas evidenciam que pessoas que consomem a bebidas estão menos sujeitas à resfriados, infecções virais e bacterianas.  A mesma ação é obtida através do chá de hibisco graças à alta concentração de vitaminas A e C, que ajudam no fortalecimento das funções imunológicas e no combate ao envelhecimento precoce.Podem ajudar no combate à diabetes: quando consumidos sem açúcar, ambos podem ajudar a combater fatores ligados ao surgimento da diabetes tipo 2, como colesterol, triglicerídeos e até mesmo a obesidade. Graças à sua propriedade alcalina, o chá verde pode auxiliar no controle da glicemia, favorecendo o pâncreas (secretor de insulina) e reduzindo os níveis de concentração de açúcar no sangue. Especialistas afirmam que a catequina presente no chá hibisco também auxilia no metabolismo do açúcar, estimulando a produção e insulina. Estudos apontam que o consumo de pelo menos 4 xícaras deste chá por dia, juntamente com uma dieta adequada, podem reduzir as chances do surgimento da doença.Emagrecem: certamente uma das questões de maior interesse de seus adeptos é também uma das principais vantagens de ambos os chás – tanto chá verde quanto chá de hibisco podem auxiliar na perda de peso graças à capacidade de acelerar o metabolismo. Ambos possuem efeito termogênico, que potencializa a queima de gordura e elevam o gasto metabólico basal. Como possuem propriedades diuréticas, combatem o inchaço e o acúmulo de toxinas do organismo, melhorando até mesmo o aspecto da pele.

Principais diferenças:

Diurético X Laxante: Ambos têm efeito diurético, ou seja, combatem a retenção de líquidos e eliminam toxinas. Porém, o chá de hibisco também possui propriedades laxativas, que graças à sua alta concentração de fibras, podem combater a constipação e o intestino preguiçoso.Calmante x Estimulante: Por possuir efeito termogênico, o chá de hibisco pode ser confundido com um chá estimulante, porém não se engane: o efeito dele é justamente o contrário – relaxante e calmante. Já o chá verde possui alta concentração de cafeína e, justamente por isso, aumenta o estado de atenção e agitação, além de espantar a fadiga.Valor nutricional: Ambos são ótimas fontes de vitaminas, porém o chá de hibisco diferencia-se pela sua alta concentração de cálcio, potássio, ferro, fósforo e magnésio. Além de fortalecer a saúde óssea, esses sais minerais favorecem a saúde como um todo.Produção de hormônios: estudos buscam elucidar a influência dessas ervas sob a produção e ação dos hormônios no organismo. Evidências apontam que o chá verde é capaz de reduzir a ação do cortisol, hormônio responsável pelo stress e pelo acúmulo de gordura abdominal. Apesar de carecer de maiores provas, esse indício corrobora ainda mais a eficácia do chá em relação ao emagrecimento.Sabor: o chá verde é conhecido por sua coloração forte e sabor amargo. Mesmo assim, seus benefícios ao organismo compensam o consumo. Porém, para aqueles que consideram a bebida literalmente difícil de engolir, o chá de hibisco pode ser uma escolha mais prazerosa e com o mesmo efeito emagrecedor – suave, pode ser comparado levemente com o sabor de framboesa.

Cautela é fundamental

Diante de tantas informações algumas observações devem ser feitas a respeito do consumo dessas ervas: a cautela e acompanhamento de um nutricionista para sua inclusão na dieta é fundamental. É recomendado que, independente da escolha, não se ultrapasse 4 xícaras da bebida por dia. O excesso pode sobrecarregar os rins e produzir efeitos significativos sob o sistema nervoso central: no caso do chá verde, insônia e dores de cabeça, já o chá de hibisco, sonolência e dificuldade de concentração. “Justamente por isso, é sempre recomendado consumi-los moderadamente. De preferência ao longo do dia, afim de não exercer grande impacto sob o sono.” – explica Sinara. Da mesma forma, idosos, gestantes e nutrizes devem evitar o consumo deliberado de qualquer substância, e pessoas com histórico de problemas de pressão conhecidos devem ter cautela, uma vez que ambos os chás surtem efeito sob a pressão arterial.

Palavra da nutricionista

Porém, a dica mais importante da profissional Sinara Menezes é “Combinar a ingestão de chás funcionais com uma dieta equilibrada e a prática de exercícios. Nenhum chá é capaz de fazer milagre sozinho, mas é um grande potencializador de resultados quando faz parte de um programa de reeducação alimentar. Eles podem auxiliar no controle do apetite e dar mais energia para prática de atividades físicas.” Outra boa notícia é que você não precisa necessariamente optar por um deles “A eficácia de ambos permite alternar o consumo regularmente afim de variar a dieta. O recomendado é preparar o chá a partir das folhas em água morna e consumi-lo sem açúcar. Dessa forma conserva-se ao máximo as propriedades da erva. Porém, para aqueles que desejam uma solução mais prática, já existem versões solúveis ou em cápsulas tão eficazes quanto os chás tradicionais, facilitam a ingestão no dia-a-dia e proporcionam os mesmos benefícios.” – finaliza.

Quer turbinar seu emagrecimento? Confira alguns chás que irão lhe ajudar no site da Nature Center.

Clique e compre aqui suplementos para emagrecimentos

Dicas para emagrecer rápido e de forma saudável

O brasileiro é um dos povos que mais pratica atividade física no mundo, mas mesmo assim o nosso país não é totalmente saudável. Um prova disso são os índices que apontam para um crescimento de 54% de obesos em apenas seis anos.Os jovens são os que mais sofrem com este problema, devido a uma alimentação pouco saudável e a poucas horas de sono, que influencia no mau funcionamento do corpo. Segundo pesquisa do Ministério da Saúde, 51% da população brasileira acima dos 18 anos está acima do peso ideal.Esses números não são nada agraváveis e, se você faz parte desta estatística, é melhor conferir nossas dicas para emagrecer rapidamente e de forma saudável.Rápido, mas nem tantoNão que não seja impossível uma pessoa perder muito peso repentinamente, em duas ou três semanas. Isso é possível, é claro, mas exigirá bastante do seu corpo, que pode perder proteínas importantes.Quando falamos em emagrecer rápido e sem perder a saúde, falamos em um trabalho de dois ou três meses. Lembre-se sempre que nada que seja exagerado é benéfico.Pense além do físicoPara você deixar os quilinhos a mais de lado e manter o corpo saudável, é importante que se pense além da questão física. Quando você pensa em perder peso sem perder a saúde, você consegue se planejar melhor, fazer uma alimentação saudável e praticar exercícios físicos sem agredir o seu corpo.Reveja sua alimentaçãoNão há como emagrecer comendo alimentos gordurosos todos os dias, não é verdade? Veja se a sua alimentação é a sua grande vilã. Caso seja, passe a fazer um cardápio mais equilibrado e saudável. Evite gorduras, refrigerante e alimentos que não agregam valor a sua dieta.Faça uma pesquisa e veja quais são os alimentos ricos em proteínas e em outras substâncias que vão te deixar bem alimentado sem necessariamente você precisar fazer um pratão de comida.Procure também por dietas que realmente funcionam, como a dieta de proteínaMas lembre-se: procure sempre um nutricionista para ter a orientação de um profissional.Faça exercícios físicosIsso é essencial para que você finalmente consiga o corpo tão desejado. Como já falamos acima, nada que é feito de forma exagerada é saudável, então, caso você não esteja acostumado à prática esportiva, peque leve. Veja qual é o esporte que você mais se adapta e comece aos poucos. Com o tempo você vai sentir a diferença não só na sua forma física, mas também na sua disposição para as tarefas do dia a dia, afinal, praticar esportes eleva a autoestima.Importante saber: procure fazer exercícios físicos nas primeiras horas da manhã. Essa hora o ar é mais saudável do que no período da tarde ou da noite, quando ele está carregado devido à poluição. Além do mais, a prática de exercícios durante a manhã evita que você sofra com influências externas, como as altas temperaturas.Beba muita água e não pule o café da manhãA água é um fator importante para auxiliar no emagrecimento. Se você ingerir pouco líquido, seu organismo não vai trabalhar tão bem quanto deveria, ou seja: não economize na água.Outra dica que é primordial para um emagrecimento saudável é não excluir o café da manhã do cardápio. É verdade que a nossa vida é corrida e muitas das vezes a gente já acorda atrasado, mas essa é a refeição mais importante do dia, pois passamos a noite inteira sem ingerir nada. Passar mais horas sem se alimentar e, ainda por cima, fazer esforço físico, é extremamente contraindicado.Tenha autoconfiançaTodas as dicas acima são muito importantes, mas ter confiança e sempre manter o foco no seu projeto também ajuda no processo. Trace sua meta e corra atrás. Não desista no primeiro obstáculo! Alguma dúvida? Deixe sua mensagem abaixo, será um prazer lhe ajudar.

Conheça algumas frutas que ajudam a perder peso

Depois de anos de estudos, pesquisadores listaram algumas frutas que tem ação direta na redução de medidas. Elas agem evitando o acúmulo de gordura abdominal, combatem ansiedade e a vontade de comer massas e doces e também melhoram o nosso metabolismo.São estas:Figo: Este é rico em Magnésio que auxilia na vontade de ingerir chocolate (doces em geral). Também a semente do figo é diurética e um laxante natural, além de promover a liberação gradual de açúcar no sangue, evitando assim os picos de fome.Consumo ideal: É recomendado a ingestão de somente 1 fruta por dia.Limão: O segredo para o emagrecimento do limão está na casca e na camada branca logo abaixo da casca, que reveste os gomos. Nesta região se encontra a pectina, que é uma fibra solúvel que transforma em um gel no estômago, promovendo assim a saciedade e eliminando as gorduras de nosso organismo. Também atua no controle de liberação de açúcar no sangue, evitando assim picos de fome.Consumo ideal: É recomendado uma vez por dia o suco de limão feito no liquidificador (limonada suíça).Goji Berry: Esta fruta de origem asiática possui 60 vezes mais Vitamina C que a Laranja. Ela auxilia na remoção de toxinas de nosso organismo, reduz gorduras localizadas e estimula a circulação principalmente nos capilares sanguíneos, amenizando a celulite.Consumo ideal: É recomendado o uso diário de 1 colher de sopa de Goji Berry (15g).Maçã: Estudos realizados na universidade Japonesa Nipon Sport Science, mostraram que o consumo diário da fruta por 3 semanas, reduziu em 20% a taxa de gordura nas cobaias. Não se sabe ao certo o motivo desta redução porém há indícios de ser a presença da pectina na fruta, devido a grande quantidade de fibras (3 a 5g). Além disso, por ser rica em potássio, a maçã elimina o sódio em excesso em nosso organismo, auxiliando na redução da redução hídrica.Consumo ideal: 1 unidade da fruta com casca.Banana: Esta fruta é rica em triptofano, que é um aminoácido muito utilizado na medicina ortomolecular para combater a ansiedade em comer doces. Também por ser rica em Vitamina B6, esta é responsável pela metabolização de lipídeos e ajuda a reduzir a absorção da gordura ingerida. E por último, devido à grande quantidade de fibras (2g), a banana é uma ótima fruta para manter o apetite sob controle.Consumo ideal: 2 unidades da fruta ao dia.Abacate: Por incrível que parece, esta fruta que é calórica auxilia na perda de peso. Ela reduz a ação do hormônio cortisol, o qual é liberado em situações de stress ou jejum que favorecendo o acúmulo de gordura abdominal. Além disso o cortisol, diminui a ação do hormônio de controle do apetite, fazendo com que ocorra picos de fome.Consumo ideal: Meia unidade pequena duas vezes por semana.Romã: Devido ao seu grande poder antioxidante, a semente da romã combate inflamações no organismo, que é considerado uma das causas para o desenvolvimento da obesidade.Consumo ideal: Meia xícara de suco de romã por dia.Alguma dúvida? Deixe sua mensagem abaixo, será um prazer lhe ajudar.

Perca peso com o óleo de cártamo

Se você está no grupo das pessoas que por mais que fique horas dentro de uma academia não consegue eliminar os quilinhos a mais do abdômen, ou então se a sua vontade é perder gordura somente na região da barriga sem fazer muito esforço físico, nós temos a solução para você: óleo de cártamo.Diferente de outros tipos de óleos, como o de coco, que faz secar o corpo todo um todo, o óleo de cártamo atua diretamente na área abdominal, potencializando seus efeitos e trazendo o resultado que você deseja.Este produto vem de uma planta asiática que é parente do girassol, e o óleo é extraído justamente da semente desta planta.Como usar?Não é necessário exagerar no óleo de cártamo para conseguir bons resultados de maneira rápida e prática. Você deve ingerir no máximo três capsulas por dia, ou então uma colher de sopa, trinta minutos antes das refeições.Potencialize seu usoNão é nem necessário dizer que se você usar o óleo de cártamo, ou então qualquer outro produto, sem estar realmente focado(a) em perder peso, os efeitos não vão ser tão bons quanto ele poderia ser. Portanto, é interessante você aliar o consumo do produto com a realização de atividades físicas como caminhada ou corrida, por exemplo, pois fazendo isso o efeito será potencializado.Quanto à questão da alimentação, um dos efeitos do óleo de cártamo é justamente inibir o apetite. Através da produção de leptina, hormônio que dá a sensação de estarmos saciados, você passa a ingerir menos alimentos, o que também ajudará nesse desafio de finalmente eliminar as gordurinhas que insistem em permanecer no seu abdômen.Dito isso, fica claro que não chega a ser primordial você ter que reavaliar sua alimentação, não pelo menos enquanto você estiver utilizando o produto. Ao término do uso, vale a pena você repensar o que você come, afinal perder peso é a primeira missão. A segunda e manter a nova forma adquirida.Mas como o óleo de cártamo age para eliminar a gordura da barriga?Com certeza você já pensou isso, não é verdade? Como que este produto faz para eliminar a gordura somente da barriga? A resposta é muito simples: o ômega 6 que está presente neste produto é uma boa maneira e queimar um determinado tipo de gordura. Quando essa gordura é queimada, o corpo procura por outros tipos de gordura, como a conhecida como “gordura branca”, que fica localizada no abdômen, ajudando a eliminá-la da região. Além do mais, o ômega 9, que também está presente no óleo de cártamo, diminui a produção de um hormônio responsável pelo armazenamento de gordura na barriga.Outros benefícios– Além de inibir o apetite, o que já é uma grande ajuda na luta para emagrecer, o óleo de cártamo auxilia no combate à celulite. Com, propriedades anti-inflamatórias, o óleo ajuda o nosso corpo a não reter muito líquido, o que causa a celulite.– Rico em vitamina E, o óleo de cártamo ajuda no combate à velhice.Agora que você já entendeu melhor para que serve o óleo de cártamo, use-o e desfile uma barriga lisinha neste verão.

Conheça mais sobre a dieta da proteína

a-dieta-dukanAs proteínas têm grande importância para a promoção do emagrecimento. Tratam-se de alimentos que promovem a saciedade, fazendo com que se coma menos. Exatamente por essa razão, a ordem de consumo dos alimentos na refeição deve ser: primeiro saladas, depois proteínas e, só então, os outros grupos alimentares, para garantir um baixo consumo de carboidratos, gorduras e açúcares.Há um tipo de dieta específica voltada para uma priorização desses nutrientes: a dieta Dukan, ou dieta da proteina, que é conhecida por ampliar esse grupo alimentar e reduzir os carboidratos. Por conta do efeito de “saciedade” a pessoa recorre menos aos doces e carboidratos, que são os conhecidos vilões de ganho de peso. Como a proteína é de digestão lenta, o corpo terá de utilizar a gordura como combustível ao sistema digestório, promovendo perda de peso.Como vantagem extra para esse tipo de dieta, existe a questão de a proteína construir mais tecido muscular. Essa estrutura, por sua vez, exige maior consumo de energia do organismo para sustentar o maior volume celular que passa a existir; tal processo acaba levando a uma aceleração do metabolismo, para garantir resposta energética rápida aos músculos – e isso também contribui com a perda de peso corporal.Contudo, não se deve remover, por completo, os carboidratos da alimentação diária, mas sim, promover uma redução, haja vista que o organismo depende de energia para todas as atividades, sejam internas, sejam externas – as ações do dia a dia. Ou seja, se o corpo não contar com essa fonte de energia, irá buscar no músculo. Se os níveis de carboidrato estiverem baixos, a insulina também estará, o que eliminará os depósitos adiposos em locais como cintura e quadris.Não é qualquer proteína que deve ser consumida, mas as magras – queijo minas, cottage, aves, peixes, entre outros, como cereais e leguminosas, que também são fontes proteicas. Com uma dieta que consiga reunir 2.200 kcal por dia, você pode ser capaz de secar 2 kg em uma semana.Com base nessa ideia, surge a dieta Dukan, realizada por muitas celebridades, como Jennifer Lopez e Penelope Cruz, entre outros. Elaborada pelo médico francês Pierre Dukan, no final do século XX.

 Fase de Emagrecimento:

1- Ataque

Realizada por um período entre dois sete dias. Trata-se do momento mais radical da Dukan, porque só se permite a ingestão de proteínas. Aqui se perde muito peso, rapidamente;  pelas razões já apontadas. Sugestões de consumo: peito de peru ou frango, fígado, carnes magras, rins, aves, frutos do mar, iogurtes, queijos e/ou leite desnatado e ovos;

2- Cruzeiro

Pode ser feita por quanto tempo desejar; combina o consumo de proteína a legumes, em dias alternados. Deve haver o consumo de, no mínimo, 1500 ml de água, no dia a dia. As  proteínas são as mesmas, acrescentando-se os legumes: pepino, palmito, acelga, espinafre, repolho, alho-poró, berinjela, tomate, rabanete, abobrinha, aipo, cogumelos escarola e vegetais folhosos em geral;Fase de manutenção de peso

3- Consolidação

A duração será de acordo com um cálculo: 10 dias x o número de quilos eliminados nas etapas anteriores. Pode-se consumir uma porção de pão – integral –, uma de queijo e uma de frutas, e duas porções de cereal por semana. O objetivo é controlar o peso;

 4- Estabilização

A vida inteira o indivíduo deverá seguir esse princípio, para manter o peso no patamar conquistado, em definitivo. Regras para essa etapa final: um dia na semana a Fase de Ataque, prática de atividades físicas e 3 colheres de sopa de aveia, todo dia.Caminhadas deverão sempre acompanhar todas as fases da Dieta Dukan.  É recomendado que o médico e nutricionista sejam consultados sobre a intenção de realizar a Dieta, para uma avaliação completa do estado de saúde geral.

Inscreva-se para receber novidades e ofertas exclusivas

SAC / Televendas: (31) 3063-8989
E-Mail: sac@naturecenter.com.br
Rua Juruá, Bairro da Graça, Belo Horizonte/MG - CEP 31140-020
© 2010 – 2020 – Nature Center - Todos Os Direitos Reservados