Tag: saúde

beneficios-da-vitamina-c-destaque

Entenda os benefícios da vitamina c !

A vitamina C, também conhecida como ácido ascórbico, é um nutriente essencial que ajuda a manter o nosso corpo em bom funcionamento.É um dos nutrientes mais seguros e eficazes, dizem os especialistas. Pode não ser a cura para o resfriado comum, embora seja pensado para ajudar a prevenir complicações mais graves. 
beneficios-da-vitamina-c-frutas
Fonte: Freepik.com

Os benefícios da vitamina C podem incluir proteção contra:

  • Deficiências do sistema imunológico;
  • Doenças cardiovasculares;
  • Problemas de saúde pré-natal;
  • Doenças oculares;
  • Rugas da pele.
Encontrada em alimentos e suplementos alimentares, essa vitamina ajuda em muitas funções biológicas, incluindo a síntese de colágeno, a cicatrização de feridas e o reparo e manutenção de cartilagem, ossos e dentes.A vitamina C também é um antioxidante, o que significa que pode neutralizar os radicais livres que podem danificar as células no nível genético, retardando o envelhecimento precoce.Ela tem sido usada historicamente para prevenir ou tratar o escorbuto e outras doenças associadas à deficiência dessa vitamina. Hoje, é amplamente apontado como uma defesa natural contra os resfriados comuns.Embora a vitamina C seja considerada um “reforço imunológico”, existem poucas evidências de que a ingestão possa realmente prevenir ou tratar uma infecção. Atuando assim, mais no equilíbrio dos processos que participa e na prevenção do que no tratamento de doenças e problemas de saúde.Acredita-se ainda que a vitamina C ajude na prevenção de inúmeras doenças, incluindo resfriados, asma, bronquite, câncer, dor crônica, catarata, gastrite, glaucoma, doença cardíaca, pressão alta, osteoartrite e doença de Parkinson, embora a verdadeira eficácia seja na prevenção e tratamento  dessas doenças ainda esteja sendo investigada por especialistas no mundo todo.No entanto, sendo uma Vitamina Hidrossolúvel, ela precisa ser constantemente reabastecida pelo organismo, pois é muito facilmente eliminada pela urina. Esse fato leva muitas pessoas a fazer a suplementação da vitamina C através de cápsulas e comprimidos.Entenda melhor a seguir.

Vitamina C em cápsulas

A ingestão diária recomendada de vitamina C é de 75 mg para mulheres e 90 mg para homens. Embora seja geralmente recomendado consumir alimentos com vitamina C, muitas pessoas recorrem a suplementos para atender às suas necessidades.Isso é facilmente alcançado através da dieta, portanto, a suplementação de doses baixas é geralmente desnecessária. Doses mais altas de vitamina C, até 2.000 mg, são usadas para apoiar o sistema imunológico (para atletas) ou reduzir a duração do resfriado comum.A maioria dos estudos sobre vitamina C prescreve uma dose por dia. A alegação de que tomar 2.000 mg até cinco vezes por dia para reduzir otimamente os sintomas do resfriado não é suficientemente testada e requer mais evidências.E uma das apresentações mais comuns como suplemento é através de cápsulas, que fazem parte do dia a dia de muitas pessoas atualmente.As cápsulas de vitaminas e normalmente tem 1000 mg e podem conter diferenças nos componentes de sua fórmula. 
beneficios-da-vitamina-c-capsulas
Fonte: Freepik.com

Quais os cuidados que eu devo ter para escolher a melhor cápsula de vitamina C ?

Confira a dosagem e dê uma boa lida em todos os componentes da fórmula do suplemento, normalmente as cápsulas não costumam conter vitamina C pura.Assim, existem diferentes composições de suplementação da vitamina, inclusive algumas são vegetarianas.  O ideal é que você de preferência para cápsulas que possuam a maior quantidade de ingredientes naturais possível.

Quais as consequências do excesso de vitamina C para o organismo ?

A sobrecarga de vitamina C, particularmente por meio de injeções intravenosas, tem sido demonstrada repetidamente em estudos de caso como causadores de danos aos rins por oxalato.Isso é remediável (potencialmente letal se não for tratado) e pode ser um motivo para evitar ingerir suplementação de qualquer tipo de vitaminas sem a supervisão de um médico.

Vitamina C em comprimido

Essa é outra forma comum de encontrar suplementação de vitamina C. 
beneficios-da-vitamina-c-comprimidos
Fonte: Freepik.com
 Os comprimidos de vitamina C, normalmente como uma dosagem também de 1000 mg, são uma forma conveniente e altamente dosada.Esse tipo de suplementação de vitamina através de comprimidos é adequada para quem procura aumentar a ingestão de vitamina C na dieta, sendo o comprimido uma forma muito prática de ingerir.Ela é particularmente benéfica para atletas de treinamento intenso, procurando manter a função imunológica mais reforçada.

Quem deve tomar os suplementos de vitamina C ?

Embora recomende-se que o suplemento seja obtido a partir de uma dieta saudável, se as exigências do dia a dia (horários de trabalho complicados e falta de tempo para cozinhar) impedem o cumprimento da Ingestão Diária Recomendada (IDR) dessa vitamina, pode ser uma boa ideia adicionar um suplemento de ácido ascórbico à sua alimentação.

Quais as outras indicações do consumo de vitamina C através de comprimidos ?

É especialmente indicada para fumantes que consomem anticoncepcionais orais ou que estão tentando perder peso pois se beneficiarão de um suplemento de vitamina C.Além disso, indivíduos que sofrem de anemia podem usar o ácido ascórbico para favorecer a absorção de ferro, por isso, também devem procurar saber com seus médicos sobre necessidade de fazer a suplementação de qualquer tipo de vitamina.

Vitamina C para pele

Tom de pele irregular, textura áspera, linhas finas e cicatrizes de acne – você pode citar qualquer preocupação comum com a pele e há uma boa chance de que a vitamina C seja um tratamento recomendado. 
beneficios-da-vitamina-c-para-pele
Fonte: Freepik.com
 Surpreendentemente, os benefícios da pele resultantes da vitamina C não se limitam ao seu status antioxidante.Possui muitas outras propriedades curativas da pele que o tornam digno de um lugar permanente no seu armário de remédios.Lembre-se: o colágeno e a elastina são fibras proteicas de ocorrência natural que ajudam a manter a pele firme. Desta forma, como essa vitamina auxilia a promover a produção de colágeno, a vitamina C tópica (aplicação em área específica) pode ajudar a prevenir o envelhecimento prematuro da pele.Assim sendo, são comuns cremes e os produtos de aplicação para pele feitos à base de vitamina C com diferentes composições.

Quais outras particularidades da vitamina C são interessantes para pele ?

Outra coisa interessante sobre o ingrediente: ela contém uma propriedade que inibe a produção de melanina da pele, que causa a descoloração da pele, como manchas escuras e hiperpigmentação.

Como aumentar a eficácia da vitamina C para melhorar a pele ?

A vitamina C pura é mais efetiva para melhorar a pele e a eficácia dela também aumenta quando combinada com outros antioxidantes, como a vitamina E. Juntas elas podem dobrar a proteção contra os danos dos radicais livres. Portanto, fique de olho na composição dos produtos que você vai comprar para melhorar a sua pele!

Vitaminas C: dicas finais

Como vimos, as vitaminas são essenciais para o funcionamento do nosso organismo e pode melhorar muito a nossa saúde!Essas foram as nossas dicas de hoje, até a próxima! 
Fonte: Freepik.com

O que são vitaminas e sua bioquímica

O que são vitaminas ?

Você sabe o que são vitaminas? Com certeza já ouviu falar delas, que elas fazem bem para a saúde e são essenciais ao organismo, mas você sabe o que realmente é uma vitamina? 
o-que-sao-vitaminas-02
Fonte: Freepik.com
Hoje vamos falar sobre isso, e explicar em maiores detalhes o que são vitaminas, vitaminas hidrossolúveis e vitaminas bioquímicas, para você tirar todas as suas dúvidas sobre o assunto.Acompanhe.

Definição de vitaminas

As vitaminas são um grupo de substâncias necessárias para o funcionamento, crescimento e desenvolvimento normal das células. E possuem funcionamentos semelhantes em diferentes grupos de animais. 
o-que-sao-vitaminas-03
Fonte: Freepik.com

Existem 13 vitaminas essenciais. Isso significa que essas vitaminas são necessárias para o corpo funcionar corretamente. São elas:

Cada uma das vitaminas listadas acima tem uma função importante no corpo. Uma deficiência de vitamina ocorre quando você não recebe o suficiente de uma determinada vitamina para que ela possa manter a sua função no corpo eficientemente. A deficiência de vitamina pode causar problemas de saúde.Assim como, altas doses de certas vitaminas podem ser tóxicas e causar diferentes problemas no nosso organismo. Não é bom exagerar, mas sim é necessário ingerir a dosagem necessária de cada vitamina no organismo.Em consequência, antes de fazer uma suplementação com vitamina ou qualquer coisa assim sempre consulte seu médico e faça uma avaliação médica para saber exatamente as vitaminas que precisa repor ou diminuir. As vitaminas são agrupadas em duas categorias, conheça elas agora:Vitaminas lipossolúveis:  que são armazenadas no tecido adiposo do corpo e as nove vitaminas hidrossolúveis.
  • Vitaminas lipossolúveis 
As quatro vitaminas lipossolúveis são as vitaminas A, D, E e K. Essas vitaminas são absorvidas mais facilmente pelo organismo na presença de gordura na dieta.
  • Vitaminas hidrossolúveis
Já a maioria das vitaminas hidrossolúveis não são armazenadas no corpo. Quaisquer uma dessas vitaminas em excesso deixam o corpo através da urina.Embora o corpo mantenha uma pequena reserva dessas vitaminas, elas devem ser tomadas regularmente para evitar escassez no organismo. A vitamina B12 é a única vitamina solúvel em água que pode ser armazenada no fígado por muitos anos.Vamos entender melhor as vitaminas hidrossolúveis no tópico a seguir, mas antes confira algumas dicas sobre vitaminas  e a função delas em nosso organismo.

Porque as vitaminas são tão importantes para o organismo humano?

Vitaminas e minerais são nutrientes essenciais porque desempenham centenas de papéis no corpo relacionados ao nosso metabolismo e a nossa fisiologia. Por isso, há uma linha tênue entre consumir o suficiente desses nutrientes (que é saudável) e consumir demais (o que pode acabar prejudicando você).

Qual é a melhor forma de obter  os nutrientes certos e as vitaminas para o nosso organismo?

Comer uma dieta saudável continua sendo a melhor maneira de obter quantidades suficientes de vitaminas e minerais necessários.

O que são Vitaminas Hidrossolúveis?

Vitaminas solúveis em água são embaladas nas porções aquosas dos alimentos que você come. Elas são absorvidas diretamente na corrente sanguínea à medida que os alimentos são decompostos durante a digestão ou quando um suplemento se dissolve. 
o-que-sao-vitaminas
Fonte: Freepik.com
 Como grande parte do seu corpo é constituído por água, muitas das vitaminas solúveis em água circulam facilmente em seu corpo. Seus rins regulam continuamente os níveis de vitaminas hidrossolúveis, evitando excessos do corpo na urina.As vitaminas B6, B12 e ácido fólico metabolizam aminoácidos (os blocos de construção das proteínas) e ajudam as células a se multiplicarem.Várias vitaminas B são componentes-chave de certas coenzimas (moléculas que auxiliam enzimas) que ajudam a liberar energia dos alimentos.E um dos muitos papéis desempenhados pela vitamina C é auxiliar na fabricação de colágeno, favorecimento da cicatrização, suporte das paredes dos vasos sanguíneos e formação da base para dentes e ossos.Embora as vitaminas solúveis em água tenham muitas tarefas no corpo, uma das mais importantes é ajudar a liberar a energia encontrada nos alimentos que você come. Outros ajudam a manter os tecidos saudáveis.

Quais são as vitaminas hidrossolúveis?

As vitaminas hidrossolúveis são em total de 9, como segue:Vitaminas do complexo B - Biotina (vitamina B7); vitamina B9 (Ácido fólico ou folato); Niacina (vitamina B3); Ácido pantotênico (vitamina B5); Riboflavina (vitamina B2); Tiamina (vitamina B1); Vitamina B6; Vitamina B12.e a vitamina C.

O que acontece com as vitaminas hidrossolúveis que desaparecem do organismo rapidamente?

Ao contrário da crença popular, algumas vitaminas hidrossolúveis podem permanecer no corpo por longos períodos de tempo. Você provavelmente tem vários anos de suprimento de vitamina B12 no fígado. E mesmo as reservas de ácido fólico e vitamina C podem durar mais de alguns dias. Porém, as vitaminas hidrossolúveis devem ser reabastecidas frequentemente.

Vitaminas: bioquímica

A grande maioria das vitaminas atua no organismo como enzimas. Ela tem um papel fundamental no metabolismo do corpo humano.Algumas vitaminas, como a vitamina D, funcionam como hormônios ou participam diretamente em catalises, sem ação de proteínas como a vitamina E. 
o-que-sao-vitaminas-01
Fonte: Freepik.com
 As vitaminas lipossolúveis se destacam por serem capazes de se acumularem no nosso corpo, no fígado e no tecido adiposo. Entre estas a vitamina D, encontrada em peixes e óleos, é essencial para a absorção de cálcio e fósforo.Já a vitamina A garante a saúde dos olhos e faz parte do sistema imunológico, que é responsável pela defesa do organismo contra infecções. Ela é encontrada em alimentos como fígado, espinafre, acelga e cenoura, entre outrosA vitamina E tem como função principal função prevenir a contração de doenças cardiovasculares, retardar o envelhecimento, fortalecer a imunidade do nosso organismo. Essa vitamina pode ser encontrada em verduras, peixes, gema de ovo, germe de trigo e óleos vegetais.Já a vitamina B é uma vitamina do tipo hidrossolúvel que atua principalmente na proteção das artérias, no tratamento de anemia e previne também a úlcera intestinal.algumas vitaminas do complexo B têm funções específicas que ajudam a produzir neurotransmissores e células de defesa para o organismo.E a vitamina C, talvez a mais famosa de todas, atua principalmente na prevenção do desenvolvimento de tumores e de problemas cardíacos. Ela é encontrada em limões, laranjas, tomate, batatas e, folhas verdes e outros alimentos. A vitamina C também atua na fabricação de anticorpos para o organismo e como antioxidante para as células.

Por que é tão importante manter uma boa alimentação para termos todas as vitaminas que precisamos no nosso corpo?

Importante destacar que as vitaminas não são sintetizadas pelos organismos vivos ou são em quantidades inadequadas para atender as demandas das suas funções vitais. Em consequência, as vitaminas precisam ser obtidas através da dieta ou de suplemento de vitaminas.

Qual a principal causa da falta de vitaminas no organismo?

A principal causa da falta de uma quantidade adequada de vitaminas no organismo é uma dieta pobre de nutrientes, ou seja, por uma alimentação pouco variada e que pode levar ao desenvolvimento de algumas doenças graves pela falta de vitaminas essenciais ao corpo.

Vitaminas: últimas dicas

No Brasil, o consumo alimentar e alimentação saudável  ainda é um verdadeiro desafio para muitas pessoas.Para não termos deficiência de vitaminas no organismo é essencial que tenhamos uma dieta saudável e balanceada!Visite nossa loja Nature Center

4 dicas para ter mais qualidade de vida e saúde

Graças aos avanços da medicina, estamos vivendo mais. E é justamente por isso, que cada vez mais pessoas se preocupam com questões como alimentação saudável e equilibrada, dietas e hábitos de vida que possam impactar na qualidade de vida. Afinal, não basta viver muito…é preciso viver bem! Se você também busca longevidade e bem-estar, saiba que conquistar e preservar a saúde pode ser mais fácil do que você imagina, pois, algumas ações muito simples têm grande impacto no organismo. Por isso, separamos algumas dicas que podem fazer de você uma pessoa mais feliz e saudável:

Aposte numa alimentação equilibrada

Não é novidade que qualidade de vida e saúde estão intimamente ligados aos hábitos alimentares. E enganasse quem pensa que a dieta saudável deve ser restritiva! Isso porque, para funcionar bem, nosso organismo precisa de uma variedade de nutrientes, e a melhor maneira de suprir essa necessidade é fazer refeições com porções adequadas de proteínas, carboidratos e gorduras. Como dizem os nutricionistas: quanto mais colorido o prato, melhor, pois isso significa diversidade de grupos alimentares e, logo, de vitaminas.No entanto, é preciso ter qualidade! Prefira sempre o alimento in natura ou minimamente processados (ou seja, evite comidas extremamente industrializadas, ricas em sódio, açúcar, gorduras saturadas e conservantes). Consuma mais carboidratos complexos, como frutas, legumes e grãos e opte, sempre que possível, por carnes ou laticínios magros como fonte de proteína. A gordura também tem seu lugar: mas, para que ajude a compor uma comida saudável, precisa fazer parte do grupo de gorduras boas, presentes em alimentos como as oleaginosas, peixes gordos, azeite e frutas como o abacate. Aliás, estudos apontam que o consumo regular dessas gorduras ajuda a reduzir os riscos de doenças cardíacas entre 25 e 39%, e também a redução dos altos índices de colesterol e a formação de placas nas artérias.

Descanse!

Se você deseja ter hábitos mais saudáveis, procure dormir bem. Repor as energias é essencial para emagrecer com saúde, pois isso faz com que seu corpo descanse e se sinta bem-disposto a encarar a rotina. Para comprovar essa afirmação, dois grupos de cientistas americanos entrevistaram pessoas de diversas idades e hábitos e, realizaram testes que comprovaram que, aproximadamente, 45% tinham uma péssima qualidade do sono. E ainda de acordo com os especialistas, essa falta de repouso ideal, pode resultar em uma insônia recorrente ou até aumentar o risco de morte. Por isso, para evitar essas situações e favorecer sua saúde aumentando a qualidade de vida, o ideal é dormir, pelo menos, 8 horas por dia.

Movimente-se mais

Como é possível ter uma vida saudável sem largar velhos hábitos? Deixar de lado o sedentarismo é fundamental para prevenir problemas de saúde como a obesidade, hipertensão, doenças cardiovasculares e a diabetes. E, ao contrário do que muitos pensam, para melhorar a disposição e aumentar a energia no dia a dia, não é necessário pegar pesado na academia, basta caminhar regularmente. Fazendo uma caminhada de, aproximadamente, 40 minutos você consegue reduzir a pressão arterial, níveis de colesterol ruim e até emagrecer, se seguir uma dieta focada na melhoria da saúde.Mas os benefícios dos exercícios físicos não param por aí: eles também ajudam na saúde do cérebro, pois fazem com que o organismo a libere uma substância que estimula a produção de novos neurônios. Sabe o que isso significa? Mais concentração e memória!

Evite o cigarro!

A exposição à fumaça do cigarro pode prejudicar, e muito, quem quer perder peso e ter uma vida saudável. Isso porque, o fumo aumenta a liberação de radicais livres no organismo. Essas moléculas instáveis prejudicam o metabolismo e são responsáveis pelo surgimento de diversos males de saúde. Mas, não são apenas os fumantes que correr esses riscos, segundo pesquisas, fumantes passivos (pessoas que não fumam, mas acabam inalando a fumaça liberada por outras pessoas) também podem desenvolver problemas respiratórios graves, como, por exemplo, a sinusite crônica. Portanto, coloque sua saúde em primeiro lugar, se livre do tabagismo e evite, sempre que possível, inalar a fumaça do cigarro.Viu só como é possível ter mais qualidade de vida mudando apenas alguns pequenos hábitos? Com uma dieta equilibrada e exercícios físicos regulares você consegue melhorar sua saúde, e até mesmo seu corpo, se você estiver em busca do emagrecimento saudável. E, para saber como viver mais e viver bem, continue acompanhando o blog da Nature Center, que traz sempre dicas incríveis para seu dia a dia!

Dieta das proteínas são aposta segura para o emagrecimento rápido?

Em alta, dieta promete secar quilos rapidamente. Porém, é preciso cautela ao fazer mudanças bruscas na dieta.

Na luta contra balança uma das armas mais utilizadas é, sem dúvidas, a fatídica dieta. Reduzir ou evitar a ingestão de determinados alimentos afim de emagrecer éo popular que a cada dia surgem novos métodos prometendo eliminar rapidamente os quilinhos indesejados. Mesmo que pouco eficaz a longo prazo, a privação de alimentos ainda é um recurso muito utilizado pelas dietas mais conhecidas. E essa busca pelo emagrecimento rápido é umadas razões pelas quais a dieta das proteínas se tornou uma das mais famosas: com vários adeptos, inclusive entre as celebridades, o método caiu no gosto popular graças a promessa de mobilizar os estoques de gordura de maneira muito mais rápida do que as dietas convencionais. Porém, seria essa a solução mais eficaz e segura para a perda de peso efetiva?

Método revolucionário?

De forma resumida, a dieta hiperproteica popularizada pelo método Dukan, baseia-se no aumento considerável do consumo de proteínas, principalmente de origem animal e, num primeiro momento, na redução drástica do consumo de carboidratos. Dessa forma, seria possível causar um choque no organismo e ativar a queima significativa dos depósitos de gordura. Um dos grandes diferenciais desta dieta, e talvez a razão para tamanho sucesso, se deve a possibilidade de comer livremente uma gama de alimentos e, ainda assim, ter uma perda de peso considerável logo nas primeiras semanas.Dividida em fases, que progridem da mais restritiva para mais branda, sua essência não é nenhuma invenção milagrosa – através da redução do consumode carboidratos, o corpo recorre à outras fontes de energia, inclusive o tecido adiposo. De acordo com a nutricionista Sinara Menezes da Nature Center, isso acontece porque “A glicose é a principal fonte de energia do organismo e os carboidratos, por sua vez, são a principal fonte desse nutriente. Com a queda na ingestão de carboidratos, há também uma queda na oferta de energia imediata, forçando o organismo à buscar alternativas para manter-se ativo.”Porém, ao contrário do que muitos imaginam, esse mecanismo não éo simples, com uma queima “automática” de gorduras. “Diante da privação de energia, o organismo recorre aos estoques metabólicos de forma ordenada e, em casos extremos, queima inclusive os próprios músculos – logo, se nãoseguida com cautela, a perda de peso promovida pela dieta pode não ser um emagrecimento qualificado.” – explica a nutricionista.

Perda de peso rápida x Emagrecimento efetivo

Embora a mudança no espelho seja perceptível e relatada por milhares de adeptos da dieta logo nas primeiras semanas, é preciso entender o que está por trás dessa perda rápida de peso: com a privação severa dos carboidratos, característica do início da dieta, o organismo não tem sua principal fonte de energia rápida e passa a recorrer as reservas energéticas. Contudo, nesse momento, o corpo não irá quebrar somente a gordura, mas também glicogênio – outra forma do organismo estocar substratos.O grande problema é o cada grama do glicogênio concentra cerca de 3 gramas de água, ou seja, quando utilizado, o organismo também entra num processo de perda de líquidos. Logo, por mais que a exista uma perda de peso maior na fase conhecida como “ataque”, isso não significa que todos os quilos eliminados sejam resultado da perda efetiva de gordura: a mudança na balança também é resultado da perda muscular e dos líquidos presentes nos tecidos – o que não é saudável para o organismo a longo prazo. A redução qualificada do percentual de gordura acontece num ritmo muito mais lento nas fases seguintes da dieta que, além de durarem muito mais tempo, exigem a mudança permanente de hábitos.Ainda que essa perda de peso inicial funcione como um incentivo, a nutricionista alerta que é preciso desmistificar essa relação especialmente porque muitas pessoas seguem apenas a fase primária e logo voltam à seus velhos hábitos alimentares “Devido a fama do emagrecimento intenso logo nas primeiras semanas, muitas pessoas acabam, deliberadamente, seguindo a dieta somente por este período, ou pior: recorrem às medidas extremas dessa fase inicial por um período prolongado, acreditando que vão perder ainda mais peso”. Segundo a especialista, não é à toa que o período de consumo exclusivo de proteínas é curto: “além de precisarmos de outros macronutrientes como os próprios carboidratos, o consumo excessivo de proteínas pode trazer danos à saúde.”

Emagrecer à qualquer custo?

Um argumento muito utilizado pelos defensores da dieta das proteínas é que além de promover a perda de peso rápida, o método é mais “democrático” pois permite que seus adeptos comam a vontade os itens liberados em cada fase: logo de cara pode-se consumir em abundância carnes magras, determinados legumes, laticínios (desde que sejam lights) e até mesmo embutidos. Ainda que pareça uma forma de emagrecer “sem passar fome”, a medida não colabora para um fator extremamente importante do emagrecimento definitivo – o autocontrole. “A reeducação alimentar é um dos pilares da perda de peso saudável. Substancialmente, isso inclui o controle dos horários das refeições para que o organismo se acostume à nova rotina. Além disso,é importante lembrar que as proteínas de origem animal, até mesmo as magras, contém uma parcela de gordura – que igualmente vão levar ao ganho de peso se consumidas em excesso.” – pontua a nutricionista.Ademais, é importante lembrar que a ausência de carboidratos leva à consequente queda na oferta de fibras – tão importantes para o trânsito intestinal e controle do apetite. Dessa forma, o intestino pode ficar preguiçoso e o indivíduo apresentar certa irritabilidade, não somente em consequência da constipação “Os efeitos adversos da dieta também estão ligados à fatores psicológicos: como a glicose é a fonte primária de energia para o cérebro, essa privação causa mau humor, fraqueza e até mesmo náuseas.” – explica Sinara. Para a nutricionista deve-se levar em conta também o prazer de se alimentar: ainda que se possa comer a vontade determinados alimentos, com o tempo a prática se torna monótona, sem contar o velho ditado que diz que “tudo proibido é mais gostoso”, ou seja, a tal privação pode colaborar para o efeito rebote.

Evitar os carboidratos é a melhor alternativa?

A base de uma dieta saudável é o equilíbrio – nosso organismo precisa da oferta balanceada dos 3 macro nutrientes essenciais: proteínas, carboidratos e gorduras. O sobrepeso é, em sua grande maioria, fruto de maus hábitos alimentares e de uma dieta pouco qualificada. Neste âmbito a nutricionista alerta que, por mais que as dietas milagrosas pareçam a solução, a melhor alternativa para o emagrecimento definitivo é apostar numa alimentação saudável e funcional “É preciso desmistificar a ideia de que o carboidrato é o grande vilão da dieta. Na verdade, o exagero é o grande inimigo da balança. O que vemos atualmente é um consumo desqualificado desse nutriente que, além de ingerido em excesso, normalmente entra no cardápio nas versões refinadas e industrializadas, culminando no ganho de peso.”De acordo com Sinara, o consumo equilibrado de carboidratos integrais, de baixo índice glicêmico, são até mesmo benéficos ao emagrecimento pois “liberam energia de forma gradual, evitando a fome abrupta e mantendo a disposição para as tarefas diárias, inclusive para a prática de exercícios – tãimportantes para a perda de peso.” Além disso, são ricos em fibras e fonte de diversas vitaminas – essenciais para a saúde do aparelho digestivo e do organismo como um todo. Logo, por mais que sejam condenados nas dietas da moda, os carboidratos, sobretudo do tipo complexo como cereais e grãintegrais podem, e devem, fazer parte de um plano de emagrecimento.

O que vale a pena na dieta das proteínas

Isso significa que a dieta das proteínas é prejudicial? Não exatamente. O grande problema, em qualquer dietao os extremos: “O próprio conceito dedieta, quando nos referimos à um regime, é a falta de equilíbrio. Já existe o consenso de que métodos restritivos nãoo eficazes a longo prazo e ainda contribuem para o efeito sanfona.” – aponta Sinara. Para quem deseja emagrecer de forma eficaz e sustentável, ou seja, mantendo a boa forma à longo prazo, a reeducação alimentar é a melhor saída. Apostar nas proteínas para perder peso é uma opção válida, porém, sem extremos. Neste âmbito, a especialista aponta que é possível incorporar ao dia a dia alguns “mandamentos” da dieta hiperproteica que podem de fator beneficiar o emagrecimento, porém sem abrir mão de um cardápio balanceado:
  • Beba muito líquido: Além de essencial para manter o bom funcionamento do intestino, manter-se bem hidratado beneficia o emagrecimento: ingerir muita água e outras bebidas detox, por exemplo, combate o inchaço e auxilia na eliminação de impurezas do organismo;
  • Inclua farelo de aveia no cardápio: O farelo de aveia é um item obrigatório da famosa dieta que pode ser incorporado no dia a dia afim de beneficiar o emagrecimento. Além de rico em vitaminas e sais minerais, o grão é uma ótima fonte de fibras betaglucanas – um tipo de fibra solúvel que promove a sensação de saciedade e auxilia no controle do apetite. É possível, inclusive, fazer um mix de farinhas funcionais enriquecidas com cereais integrais e termogênicos afim de potencializar o emagrecimento.
  • Aposte nos alimentos funcionais: Os termogênicos, aliás, tem espaço garantido nessa dieta e podem fazer parte do cardápio balanceado de quem quer secar alguns quilinhos “Alimentos como a pimenta, o gengibre, o chá verde e a canela estimulam a termogênese, processo pelo qualo corpo gasta mais calorias para manter a temperatura do organismo estável.”
  • Evite o sódio e o açúcar: Reduzir o consumo de produtos industrializados e controlar o uso de sódio e da sacarose na alimentação diária éfundamental para o emagrecimento: o sódio aumenta a retenção de líquidos, o inchaço e ainda é um fator de risco para o desenvolvimento de doenças. Da mesma forma, quando consumido em excesso, o açúcar pode contribuir para sobrepeso e o surgimento de doenças crônicas como a diabetes;
  • Proteínas + exercício físico: As proteínaso importantíssimas para a construção dos tecidos, em especial os músculos. Para quem deseja emagrecer, investir no fortalecimento da musculatura é uma boa forma de aumentar o gasto de calorias mesmo em repouso, pois quanto mais massa magra você tiver, maior será a taxa metabólica basal. Porém, para que isso seja possível, é fundamental investir numa rotina de exercícios de resistência. “Consequentemente, é preciso que oferta de energia esteja equilibrada – ou seja, aposte nas proteínas, mas não abra mão dos carboidratos!”
Ainda que o desejo de emagrecer rápido seja totalmente compreensível e essa urgência em conseguir soluções seja consequente da vida moderna épreciso ter em mente que, da mesma forma que não se ganha peso do dia para noite, não se emagrece efetivamente num curto período de tempo. “Épreciso ter paciência: o processo de emagrecimento duradouro passa obrigatoriamente pela mudança do estilo de vida e da adoção de novos hábitos alimentares. Ainda que envolva mais tempo, dependa da persistência e da força de vontade do indivíduo, é muito mais eficaz e seguro do que seguir dietas da moda.” – finaliza a nutricionista.

Inscreva-se para receber novidades e ofertas exclusivas

SAC / Televendas: (31) 3063-8989
E-Mail: sac@naturecenter.com.br
Rua Juruá, Bairro da Graça, Belo Horizonte/MG - CEP 31140-020
© 2010 – 2020 – Nature Center - Todos Os Direitos Reservados