Tag: vida saudável

4 dicas para ter mais qualidade de vida e saúde

Graças aos avanços da medicina, estamos vivendo mais. E é justamente por isso, que cada vez mais pessoas se preocupam com questões como alimentação saudável e equilibrada, dietas e hábitos de vida que possam impactar na qualidade de vida. Afinal, não basta viver muito…é preciso viver bem! Se você também busca longevidade e bem-estar, saiba que conquistar e preservar a saúde pode ser mais fácil do que você imagina, pois, algumas ações muito simples têm grande impacto no organismo. Por isso, separamos algumas dicas que podem fazer de você uma pessoa mais feliz e saudável:

Aposte numa alimentação equilibrada

Não é novidade que qualidade de vida e saúde estão intimamente ligados aos hábitos alimentares. E enganasse quem pensa que a dieta saudável deve ser restritiva! Isso porque, para funcionar bem, nosso organismo precisa de uma variedade de nutrientes, e a melhor maneira de suprir essa necessidade é fazer refeições com porções adequadas de proteínas, carboidratos e gorduras. Como dizem os nutricionistas: quanto mais colorido o prato, melhor, pois isso significa diversidade de grupos alimentares e, logo, de vitaminas.No entanto, é preciso ter qualidade! Prefira sempre o alimento in natura ou minimamente processados (ou seja, evite comidas extremamente industrializadas, ricas em sódio, açúcar, gorduras saturadas e conservantes). Consuma mais carboidratos complexos, como frutas, legumes e grãos e opte, sempre que possível, por carnes ou laticínios magros como fonte de proteína. A gordura também tem seu lugar: mas, para que ajude a compor uma comida saudável, precisa fazer parte do grupo de gorduras boas, presentes em alimentos como as oleaginosas, peixes gordos, azeite e frutas como o abacate. Aliás, estudos apontam que o consumo regular dessas gorduras ajuda a reduzir os riscos de doenças cardíacas entre 25 e 39%, e também a redução dos altos índices de colesterol e a formação de placas nas artérias.

Descanse!

Se você deseja ter hábitos mais saudáveis, procure dormir bem. Repor as energias é essencial para emagrecer com saúde, pois isso faz com que seu corpo descanse e se sinta bem-disposto a encarar a rotina. Para comprovar essa afirmação, dois grupos de cientistas americanos entrevistaram pessoas de diversas idades e hábitos e, realizaram testes que comprovaram que, aproximadamente, 45% tinham uma péssima qualidade do sono. E ainda de acordo com os especialistas, essa falta de repouso ideal, pode resultar em uma insônia recorrente ou até aumentar o risco de morte. Por isso, para evitar essas situações e favorecer sua saúde aumentando a qualidade de vida, o ideal é dormir, pelo menos, 8 horas por dia.

Movimente-se mais

Como é possível ter uma vida saudável sem largar velhos hábitos? Deixar de lado o sedentarismo é fundamental para prevenir problemas de saúde como a obesidade, hipertensão, doenças cardiovasculares e a diabetes. E, ao contrário do que muitos pensam, para melhorar a disposição e aumentar a energia no dia a dia, não é necessário pegar pesado na academia, basta caminhar regularmente. Fazendo uma caminhada de, aproximadamente, 40 minutos você consegue reduzir a pressão arterial, níveis de colesterol ruim e até emagrecer, se seguir uma dieta focada na melhoria da saúde.Mas os benefícios dos exercícios físicos não param por aí: eles também ajudam na saúde do cérebro, pois fazem com que o organismo a libere uma substância que estimula a produção de novos neurônios. Sabe o que isso significa? Mais concentração e memória!

Evite o cigarro!

A exposição à fumaça do cigarro pode prejudicar, e muito, quem quer perder peso e ter uma vida saudável. Isso porque, o fumo aumenta a liberação de radicais livres no organismo. Essas moléculas instáveis prejudicam o metabolismo e são responsáveis pelo surgimento de diversos males de saúde. Mas, não são apenas os fumantes que correr esses riscos, segundo pesquisas, fumantes passivos (pessoas que não fumam, mas acabam inalando a fumaça liberada por outras pessoas) também podem desenvolver problemas respiratórios graves, como, por exemplo, a sinusite crônica. Portanto, coloque sua saúde em primeiro lugar, se livre do tabagismo e evite, sempre que possível, inalar a fumaça do cigarro.Viu só como é possível ter mais qualidade de vida mudando apenas alguns pequenos hábitos? Com uma dieta equilibrada e exercícios físicos regulares você consegue melhorar sua saúde, e até mesmo seu corpo, se você estiver em busca do emagrecimento saudável. E, para saber como viver mais e viver bem, continue acompanhando o blog da Nature Center, que traz sempre dicas incríveis para seu dia a dia!

Guia completo de marmitas saudáveis e práticas

Não é fácil encontrar refeições nutritivas ou lanches saudáveis por aí, principalmente com um preço acessível, por isso, muita gente vem aderindo à um velho hábito dos trabalhadores e levando suas próprias refeições para a empresa. Uma pesquisa do Instituto Data Popular apontou que no último ano o número de pessoas que trocaram o almoço em restaurantes pelas marmitas caseiras aumentou 26%. Essa alternativa, além de ser mais saudável também é muito econômica, principalmente para quem está de dieta ou fazendo uma reeducação alimentar, mas muita gente ainda culpa a falta de tempo como um dos principais fatores que impedem de incluir essa prática em suas rotinas.A maioria das pessoas que levam marmita preparam no dia anterior, aproveitando as sobras da janta, outras preferem preparar no mesmo dia, com alimentos frescos e cozidos na hora. Mas, quando não há o costume de jantar ou a pessoa estuda a noite e chega tarde em casa, fica difícil separar um tempo para realizar o preparo dos alimentos. Para isso, uma boa alternativa é preparar remessas que durem a semana toda, pois isso agiliza muito o processo e torna tudo mais prático. Veja como se organizar:

Planejamento é o segredo

Separar algumas horas, em um dia na semana que o tempo livre seja maior, para preparar tudo é o primeiro passo. Nesse dia será feita toda a organização para saber quantas marmitas serão suficientes e o que deve ter em cada uma delas, assim como a quantidade dos alimentos para cada refeição. Esse é o momento certo para entender como é sua rotina diária e qual é seu objetivo. O cardápio vai depender se o seu intuito é emagrecer, fazer a manutenção do peso ou adquirir hábitos alimentares saudáveis. Sem planejamento não há resultados e quanto mais organizada for essa etapa mais rápida será a execução.

Mãos à obra

Nessa hora não tem muito mistério, é só preparar, embalar e congelar. A dica é variar no cardápio para não ficar enjoativo. Isso não significa que você deve ter uma opção diferente para cada dia, mas é possível mudar as combinações e fugir do arroz com feijão básicos incluindo legumes e verduras para complementar o prato e agregar valor nutricional. Quanto mais colorido for o resultado final mais atrativo será na hora da refeição.As saladas são importantes, mas não devem ser colocadas no mesmo recipiente da comida, pois, na hora de esquentar ela irá murchar. Outro detalhe é levar o molho a parte para temperar apenas na hora em que for consumir. Vale lembrar que as folhas devem estar bem secas para preservar a crocância, e sempre é melhor rasga-las com as mãos ao invés de cortá-las com a faca.Refrigerantes não são nenhum pouco saudáveis e se a intenção for, além de gastar menos, melhorar a saúde ou diminuir o peso, o ideal é corta-lo de vez, ou então diminuir a frequência do consumo. Sucos em pó ou aqueles prontos de caixinha também não são uma boa opção por possuírem níveis elevados de açúcar. A melhor alternativa é optar por sucos naturais ou chás gelados como o chá verde e o chá de hibisco que já possuem versões instantâneas.

Cuidados

Para quem vai transportar a refeição todos os dias até o local de trabalho vale investir em uma bolsa térmica, que garantirá a temperatura do alimento por um tempo maior. Outro detalhe importante é o recipiente, pois, os potes de plástico comum, ao serem aquecidos ou resfriados, eliminam substâncias prejudiciais à saúde. O melhor é utilizar potes de vidro ou de plásticos especiais

Alternativas saudáveis

De nada adianta economizar no almoço e pedir aquele lanche da padaria no meio da tarde. Além de sair da dieta e continuar gastando dinheiro, não é um hábito nada saudável. Entre a hora em que se chega ao trabalho até o almoço e depois dele até o momento de ir embora devem haver lanches que ajudam a controlar a fome e proporcionam os nutrientes que o corpo precisa para ter energia e disposição ao longo do dia. Nesses casos pequenas marmitas são ótimas aliadas, pois nelas conterão a quantidade adequada para o horário, impedindo os excessos e as tentações como doces, salgados ou petiscos industrializados. Uma fruta é sempre a melhor opção e o ideal é optar pelas mais práticas como banana e maça ou frutas desidratadas como a goji berry, por exemplo.

Inscreva-se para receber novidades e ofertas exclusivas

SAC / Televendas: (31) 3063-8989
E-Mail: sac@naturecenter.com.br
Rua Juruá, Bairro da Graça, Belo Horizonte/MG - CEP 31140-020
© 2010 – 2020 – Nature Center - Todos Os Direitos Reservados